Bolsonaro 2

Bolsonaro diz que ‘tem que fuzilar os autores’ da Queermuseu

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) afirmou que “tem que fuzilar” os autores da Queermuseu, uma exposição que abordava a diversidade de gênero e a sexualidade na arte brasileira.

A exposição, patrocinada pelo Banco Santander, com recursos da Lei Rouanet, acabou cancelada antes da data final por pressão do MBL, o Movimento Brasil Livre, que propôs um boicote ao evento cultural e chegou a pressionar pessoas que visitavam o Espaço Santander Cultural. Saiba mais: Livro busca esclarecer dúvidas sobre a Lei Rouanet 

Bolsonaro deu a declaração, polêmica e exclusiva, durante gravação do programa TV Verdade, que será exibido nesta segunda-feira, às 7h, pelo SBT/Alterosa.Também participaram do programa o pastor evangélico gay Gregory Rodrigues, o apresentador do vlog Xotifalá do www.em.com.br, Luiz Othavio Gimenez, e o filho do deputado federal, Flávio Bolsonaro, deputado estadual no Rio de Janeiro.

O parlamentar está em Belo Horizonte, onde lançou nesta quinta-feira o livro “Jair Bolsonaro: Mito ou verdade”, no Automóvel Clube, e dá palestra “Pensando o Brasil”,  nesta sexta, na Universidade Fumec.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *